31 maio 2009

Nossa Senhora de Fátima no Pombalinho!

A visita de Nossa Senhora de Fátima ao Pombalinho, no ano de 1954, foi porventura o acontecimento religiosos que maior simbolismo teve na vida dos Pombalinhenses! Não sabemos da existência de relatos escritos que nos permitam avaliar pormenorizadamente o que se passou nesse dia e mais concretamente na procissão, a que muitos aderiram, uns pela fé, outros tão simplesmente com o intuito de estarem presentes nesse momento único para a comunidade. Mas felizmente, pela gentileza de Pedro Menezes, que nos possibilitou a divulgação de algumas fotos bem representativas dessa visita de Nossa Senhora de Fátima, podemos testemunhar o nível de participação que a população teve nesse dia tão especial para o Pombalinho!



Bispo Santarém


Fotografia tirada na quinta da família Menezes. Reconhecem-se da esquerda para a direita, Joaquim Menezes, Barão de Almeirim (filho da Baronesa de Almeirim), Américo Cachado, Padre Filipe, representante eclesiástico de Lisboa ou de Leiria, António Menezes, Manuel Coimbra e a criança, Joaquim Pedro Barreiros Nunes de Menezes.



Nossa Senhora Fátima 3

A Igreja Matriz do Pombalinho, iluminada a preceito para esse dia de tão grande significado religioso.







Saída de Nossa Senhora de Fátima da Igreja Matriz. Iniciava-se a procissão que iria percorrer algumas ruas do Pombalinho.






A procissão a passar na rua António Eugénio de Menezes. É bem significativo, o nível de participação que os Pombalinhenses quiseram prestar à visita de Nossa Senhora de Fátima ao Pombalinho. Reconhecem-se de entre outros, António A. Mota, Francisco Souto Barreiros e Dr. Manuel Souto Barreiros, no lado esquerdo da fotografia, e Manuel D'Assumpção Coimbra no lado direito.




Fotos gentilmente cedidas por Pedro Menezes
Colaboração de Bruno Cruz, Frederico Barreiros Mota e José Coimbra de Castro Canelas





6 comentários:

MGomes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joaquim Mateiro disse...

Olá Meu Bom Amigo Manuel Gomes!!!

A vinda de Nossa Senhora de Fátima ao Pombalinho em 1954, ficou na minha memória, recordo-me de eu e todos os rapazes que frequentávamos a Velha Escola, vestirmos nesse dia um fato igual ao da criança que está na foto, os nossos pais foram aconselhados a comprar ou mandar fazer um igual aos que usavam na Mocidade Portuguesa. Os pais que não puderam comprar o fato foram ajudados pelos lavradores ricos.
As ordens eram expressas da professora Maria José Martins Simões, todos tínhamos que estar fardados nesse dia. E nesse dia de 1954, todos fomos com a Professora esperar a N S de Fátima na camioneta do senhor José Leal (pai) à saída da Golegã para assim acompanhar-mos a Nossa Senhora de Fátima até á Igreja do Pombalinho, no dia seguinte fomos na procissão em fila indiana acompanhar a Senhora pelas ruas da Freguesia vestidos com os tais fatos de gala da Mocidade Portuguesa.
Manuel, a criança que está na foto é o Joaquim Pedro Barreiros Nunes de Menezes (o Palim), e não o irmão mais velho.

Um forte e saudoso abraço do Amigo
Joaquim Mateiro

Frederico Mota disse...

Boa noite,

Foi engraçado ver estas fotografias aqui, pois ja as conhecia de casa do meu avô. Na ultima fotografia (do andor em frente a casa dos Menezes) posso identificar, por exemplo, o meu bisavô António A. Mota, que é o primeiro Sr do lado esq, a olhar directamente para a fotografia; numa linha de tras, junto ao andor, outra vez o primeiro Sr do lado esq é o meu tio-bisavô Francisco Souto Barreiros.
Tem piada conhecer estas fotografias e depois vir ve-las aqui na internet.
Obrigado!
Frederico Barreiros Mota

MGomes disse...

Caro, Frederico Barreiros Mota!

Agradeço-lhe a visita que fez a este espaço assim como as identificações que aqui deixou sobre alguns dos presentes, seus familiares, que estiveram nesse dia memorável para as gentes do Pombalinho.

Cumprimemtos
Manuel Gomes

JCCanelas disse...

Parabéns pelo excelente blog!

Na última fotografia de N S de Fátima parece-me que quem segura o andor, à frente, é Manuel D'Assumpção Coimbra, do lado direito, e o Dr. Manuel Souto Barreiros do lado esquerdo.

Na fotografia em casa da Família Meneses o Bispo não pode ser de Santarém pois esta Diocese ainda não existia na época. Parece-me que foi criada no fim dos anos 70 ou princípios de 80.

Cumprimentos,

José Coimbra de Castro Canelas

MGomes disse...

Caro, José Coimbra de Castro Canelas!

Obrigado pela apreciação que aqui deixou registada sobre o trabalho que vamos desenvolvendo neste blog e também sobre a identificação que fez de algumas das pessoas que estiveram presentes na visita da NS de Fátima ao Pombalinho.

Quanto ao Bispo de Santarém, tem toda a razão! Com efeito, a Diocese foi criada a 16 de Julho de 1975 com a nomeação de D.António Francisco Marques para seu primeiro Bispo, não podendo de facto a respectiva legenda da fotografia estar correcta! Santarém em 1954 pertencia ao Patriarcado de Lisboa! Asim sendo, o eclesiástico presente, só poderia ser um seu representante ou, uma vez que se tratou da visita de Nossa Senhora de Fátima, um também representante da Diocese de Leiria.

Irei oportunamente proceder à rectificação do texto que dá suporte à fotografia em questão, assim como ao melhoramento das outras, com a inclusão das identificações que você e também Frederico Barreiros Mota, aqui deixaram registadas!

Cumprimentos
Manuel Gomes