26 novembro 2013

Joaquim Madeira - "Quimadeira"




Joaquim José Fonseca Carvalho Madeira, de nome artístico Quimadeira, natural de Pombalinho - Golegã, nasceu aos oito dias do mês de Julho de mil novecentos e cinquenta e oito, sob o tórrido sol da lezíria ribatejana, entre touros, vinhas e cavalos, nesta hospitaleira aldeia circundada pelos rios Tejo, Almonda e Alviela.
Iniciou a actividade artística depois da sua primeira mostra (desenho sob o tema "ArteJovem") na 24ª Feira do Ribatejo em 1977, durante a qual Mário Viegas (já falecido) se lhe referiu:
"O traço fino e decisivo marca a elegância e a beleza da sua obra".
Ao longo dos anos tem participado em várias exposições colectivas em Portugal e na Europa tendo trabalhos em colecções particulares em países como Espanha (Madrid e Bilbau), França (Paris e Montluçon), Bélgica (Antuérpia) e Holanda (Rosendall e Roterdão).


Radicado na Figueira da Foz desde 1980 tem vindo a exercer a sua actividade profissional sempre no sector dos transportes terrestres, inicialmente como director fabril, passando a construtor de equipamento material de transporte, gestor logístico e técnico de certificação de qualidade.
 A partir de 2000 diversifica a sua actividade colaborando na organização de eventos culturais, desportivos e participações televisivas como, por exemplo:  aniversários e homenagens, desfiles e concertos, festas temáticas e pinturas corporais, corridas e desfiles de camiões, concentrações de motos e raids todo-o-terreno, festivais gastronómicos e folclore, exposições e pintura ao vivo e animação e divulgação turística.


Dívida Soberana, a exposição de desenho e pintura que Quimadeira inaugurou em 20 de Março de 2011  na  Galeria Magenta .















Fonte de Texto e Ilustrações -   Magenta

Link relacionado -  "Pombalinhense"

Sem comentários: