17 novembro 2009

Retratos XIII !

Photobucket
Não temos qualquer referência alusiva a esta fotografia! Nem a data em que foi tirada, nem o motivo que levou este grupo de pombalinhenses a posarem para a luzinha milagrosa do retratista! Mas o merecimento da sua publicação, nunca esteve em causa! Por isso, proponho-vos que façamos um exercício de viajantes no tempo! Recuemos umas décadas e imaginemos as razões que levaram esta gente a posarem despreocupadamente desta maneira, ladeados por dois magalas!!! Difícil, não é? Pois!!! Mesmo assim, identifiquemos alguns deles, bem nossos conhecidos: Joaquim Felisberto, Manuel Bispo, Rui Borges, Guilherme Afonso, Manuel Braga, Gabriel Joaquim, Francisco Duarte, Manuel Barros (pai) e os "magalas" José Martins Asseiceira e Joaquim Maria Santos Légua, respectivamente à esquerda e à direita da fotografia, segundo a optica do observador.



Colaboração fotográfica – Víctor Reis

2 comentários:

Guilherme Afonso disse...

Maputo, 19 de Novembro de 2009

Caro Amigo Manuel Gomes

Cá estou de novo. Só para umas palavrinhas a propósito da excelente fotografia (mais uma) inserida em RETRATOS XIII.
Estou inteiramente de acordo consigo quanto ao merecimento da sua publicação, por um lado, e ao que ela tem de enigmático, por outro.
E o enigma para mim começa por estar nessa fotografia e não ter também ideia nenhuma de onde é que ela foi tirada nem que acontecimento terá juntado tantos e, sob certos aspectos, tão diversos figurantes.
Digo eu que também estou nessa fotografia... Pelo menos creio que sim; creio que sou esse com a cabeça metida num círculo numa cópia da fotografia que em anexo lhe envio.
Também não há dados sobre a data em que a foto foi tirada, como o Manuel Gomes anota. Porém, não havendo dados sobre a data precisa, poder-se-á, tendo em conta a idade dos figurantes, calcular o ano em que tal terá acontecido. Em relação a mim, e contando que de facto lá estou, eu tinha 19 ou 20 anos, o que quer dizer que a fotografia é de 1948 ou 1949. Mas penso que pela idade que podemos, com muita probalidade de não errar por aí além, atribuir ao Joaquim Felisberto, ao Rui Borges, ao Manuel Braga, por exemplo, a conclusão a que chegaremos será a mesma.
Diz que um dos que estão vestidos de “magala” é o Joaquim Maria Santos Légua. Referir-se-á ao da direita ou ao da esquerda na fila de cima? Parecendo-me que o que está à esquerda é o José Martins Aceisseira, se assim for, de facto, o Légua será o que está à direita, claro.
Uma coisa que não deixa de me causar alguma estranheza é precisamente haver aí pombalinhenses envergando a sua farda militar, sabendo que o costume era (pelo menos é a ideia que tenho) os militares quando chegavam a casa, vindos de licença, despirem a farda e só voltavam a envergá-la quando regressavam ao quartel.
Já agora, só mais um pormenor. Não há dúvida, pela paisagem envolvente, que a fotografia foi tirada num local arborizado. Não teremos aí um dia de bateiras?

Um grande abraço, meu caro Amigo.

Guilherme Afonso

MGomes disse...

Caro Amigo Guilherme Afonso!

Agradeço-lhe mais esta sua preciosa colaboração, desta vez sobre os Retratos XIII! De facto, trata-se de mais um registo fotográfico que em muito contribui para o enriquecimento já vasto da galeria do "Pombalinho".
Sobre os seus esclarecimentos, irei oportunamente inseri-los na respectiva publicação.Agradeço-lhe mais uma vez!

Um Abraço
manuel Gomes