14 fevereiro 2013

Outros tempos! Novos tempos!!!



Decorria o ano de 1895  e  por via de uma reforma administrativa a ser implementada no país, alguns proprietários do Pombalinho e da Azinhaga apresentaram ao ministro da tutela uma proposta de passagem destas duas freguesias para a Golegã, impedindo assim que este município, na sua figura administrativa,  fosse objecto de uma eventual extinção!

Estes dois recortes do jornal  "Correio da Extremadura", de 10 de Agosto de 1895 e 14 de Setembro de 1895, respectivamente pela ordem de publicação neste  "post" , reportam-se  à notícia da deslocação a Lisboa de elementos da Câmara de Santarém para, num encontro com o  ministro do reino, impedirem  que essa possível  desanexação do Pombalinho e Azinhaga do concelho de Santarém  se pudesse concretizar! 





Como todos sabemos, historicamente, o Pombalinho manteve-se no concelho de Santarém  enquanto a Azinhaga, nesse mesmo ano de 1895,  mais precisamente a 21 de Novembro,  foi inserida no Município da Golegã! 

A história, porém,  ao fim de 116 anos acabou por dar razão ao grupo de proprietários que apostaram, nesse longínquo ano de 1895 ,  no  caminho municipal conjunto para o Pombalinho  e  Azinhaga  por terras do Almonda!  A  Golegã é  hoje o destino comum destas duas localidades,  que nunca deixando de ter apostado nas diferenças das suas virtualidades, sempre se pugnaram por uma vizinhança de proximidade assinalável! Assim continuem, para  bem das populações  e  do "novo"  Concelho da Golegã,  agora  reestruturado e desejavelmente mais forte!


Pesquisa documental - Bruno Cruz
Texto - Manuel Gomes




1 comentário:

maria mar disse...

A coisa não se resolveu na altura, porque o ministro do reino já devia ser o Relvas!....
;)
Abraço